Friday, April 17, 2009

"...eu sou como eu sou / pronome pessoal intransferível do homem que eu iniciei na medida do impossível..." Torquato Neto
"a poesia torna visível o invisível" G.Q.

"onde foi parar a poesia desta realidade? Aonde está a magia?" G.Q.
"a arte é a vida , a fantasia é a única realidade" G.Q.

1 comment:

Reviragita Poesia said...

Amando o Blog
Quando puder, dê uma olhadinha:

cimaneski-poeta.blogspot.com
e
www.ceciliafidelli.blogspot.com

Fica o convite.
Paz e Poesia,
Ci